TRADUTOR

English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

domingo, 28 de agosto de 2011

BOBAGENS LINGUÍSTICAS - 2

MINDUBIM:

O amendoim da minha infância era 'mindubim'. Era como eu
ouvia todo mundo chamá-lo. Claro, meu universo não era
muito grande, mas em toda a população pobre de Recife,
era esse o nome.


Somente na escola (1963 em diante), ouvi falar em amendoim,
aí, naturalmente, como um bom pobre querendo subir na vida,
adotei-o.


Anos depois (uns 12 ou 13) descobri que o termo não é uma
corruptela de amendoim, pelo contrário, a palavra usada
pelos indígenas do Brasil é (ou era) 'mindobi' ou 'mindobim',
provenientes de 'mandu'wi'.

- E daí, que os índios chamavam assim?

É que o amendoim é originário da América do Sul e só a
partir do século 17 foi difundido pelo mundo. Então, como
é normal nas ciências, a primeira denominação teria
preferência.


Porém, os pseudo-doutos, pensaram que era uma variedade
de amêndoa, e a renomearam de amendoim. Acontece que
amendoim não tem nada a ver com amêndoas ou nozes,
sendo uma leguminosa da família da ervilha.

Assim, vê-se o povo com a razão. Mas quem liga pro povo?

6 comentários:

ferrazcristina disse...

do tupi mandu'wi, "enterrado". Muito bom!!! além das diferentes formas de preparação desse alimento, as quais dependem muito da região.

abraço tesco, bom domingo.
Cristina.

Anônimo disse...

Tesco, seu post é só cultura. Você traz ao nosso conhecimento coisas que nunca ouvimos falar.

Aqui no ES ninguém conhece o que vem a ser uma amendoeira. Elas são chamadas de castanheiras. Cada local uma diferença.

Beijotescas

Lize disse...

MUito bom como sempre!

Anônimo disse...

AFF odne aprende essas coisas?
lendo jornal é que não é!
rsrs
abraços
hiscla

cynthia disse...

afe, tem um monte de palavras que a gente "fala mal" da pronúncia, mas que na origem estão certas!!!

Anônimo disse...

Da série: "blogosfera também é cultura"!
"Rua da União onde todas as tardes passava a preta das bananas com xale vistoso de pano da Costa
E o vendedor de roletes de cana
O de amendoim
que se chamava midubim e não era torrado, era cozido"
Evocação do Recife Manuel Bandeira
Manoel Carlos